Fazendo Gato & Sapato

18 abril 2008

Comemorar...Abril novamente!!!!
Começo a percorrer....
Uma nova estrada...a dor se configurou em esperança...as belas palavras atingiram outros corações...Um coração novo...renascido...Uma fênix que me abarca dando novos contornos,nuances a bela-velha percorrida estrada....aquele poema choroso traz a nostalgia de um velho vinho adormecido na garganta...o poeta o sorve...sempre na insistência de que este será o último gole...Brindamos!
Não quero a morte palavra desgastada...quero a vida que ao me desgastar-me a impressão da felicidade momentânea habita....já sobrevoam os balões de torres sobrevoa imenso mar meu coração...sou uma poeta em vôo...sou um dos fragmentos dos desejos das garrafas de naufrago...sou tão pequena na belezura surrada do mundo...uma micropoetinha desvairada...que como libélula reinventa a sua e nossas vidas...susurro no seu ouvido...
O último balão subiu aos céus!!!!

4 comentários:

Martha Barbosa disse...

Podemos ter vários "abril", porque não?, novas estradas, novos corações, aliás coração de poeta é assim mesmo. Sempre procurando brindar a vida, chorar a vida,há...esses poetas!
Um beijo amiga Que continue sempre assim, poetando.

Martha Barbosa disse...

Amada amiga, voltei, e fiz postagem nova se tiver tempo apareça por lá. Acho que nesta postagem preciso de um comentário com crítica ...e vou amar. Beijos querida amiga

Martha Barbosa disse...

Querida Simone, cada vez que venho aqui me encanto.Belezura surrada, amei .Te espero no meu blog, pois fiz postagem nova e seu comentário é importante para mim, querida amiga. sábado vou postar no Palavras do sul, espero que goste. MIl beijos, querida poeta, mil beijos

Martha Barbosa disse...

Voltei, este texto deve ser lido várias vezes, divago nele. meijod amiga